Os pirralhos

baby babies baby growth

quinta-feira, 10 de janeiro de 2008

Considerações...

Adoro estar grávida!
Adoro!
É uma sensação única, apesar de todo o cansaço que sinto no final do dia!

Adoro saber que tenho um bebé dentro da minha barriga e que, de vez em quando, e muito ao de leve, já se faz sentir!

Adoro saber que daqui a algumas semanas vou começar a sentir os seus movimentos mais intensamente!

Mas a verdade é que às vezes, parece que não estou grávida!
Lembro-me de, na gravidez da Daniela, ler o que se passava semana a semana. Adorava saber se ela já abria os olhos, se já ouvia os sons, etc...

Muito sinceramente, isso tem-me passado um pouco ao lado! Só quero saber se está tudo bem com o bebé!

A Daniela anda muito mimosa!
E com uma maezite aguda!
Dá-me uns beijinhos na cara de boca aberta... é tão fofa!
Mas a verdade é que tenho saído mais cedo do trabalho e vou buscá-la também mais cedo ao infantário!
Faço sempre questão de ir dar um voltinha com ela, na urbanização em que vivemos, quer seja no parque infantil, na rua, ou no jardim. Ela vai quase sempre pelo seu próprio pé, e adora! Vê árvores, os cães, mete-se com as pessoas! Quando elas lhe respondem, ela foge a correr e ri-se!

E dá umas gargalhadas tão alegres e bem dispostas!
Dá gosto de rir com ela, mesmo quando está a fazer malandrices!

Mas, incrivelmente, o que me preocupa e pesa no coração é o internamento durante o parto e o pós-parto imediato! Esses dois dias preocupam-me.
Espero muito sinceramente que o parto seja durante a semana, para ela poder ter a rotina do dia a dia, depois, janta com o pai e dorme!
Mas há vários aspectos na sua vida que têm de ser alterados. ela geralmente só adormece com a mamã, e também é normal ser a mãe a dar-lhe a papinha e os biberons!
Geralmente, sou eu que a visto depois do banho, lhe visto o pijama e as roupinhas de manhã.

Apercebo-me agora que monopolizo muitas das tarefas e cuidados prestados à minha filha! E isso preocupa-me, porque isso vai mudar com o nascimento da próxima criança!
A mãe não dá conta, sozinha, dos dois! (E o pai não deixa, também! LOL)
Vocês sentem o mesmo?

23 comentários:

Cláudia disse...

Hum...
Pois é, em relação à Daniela, está uma menina crescida :)
Que bom.
Quanto à 2gravidez, tens q começar a passar algumas tarefas para o papá...mas num curto espaço de tempo.
Para os 2 se habituarem.
E para não custar tanto aos 3 :)
Beijinho

ma_ma do Gonçalinho disse...

Pois eu tb concordo, mas eu faço exactamente o mesmo, a unica coisa q repartimos é o levantar a meio da noite para fazer o leite, de resto, eu faço tudo, literalmente tudo...

Acho mal, mas eles tb deveriam ter iniciativa de colaborar mais, acho eu.

Eu tb adorei estar grávida e logo q seja possível vou querer repetir claro está!!!

Beijocas e tudo de bom.
Marta e Gonçalinho

Ana Luísa disse...

:)
Sabes, imagino sempre que numa segunda gravidez as preocupações com alguns detalhes diminuam...
O que referes, penso que se passaria o mesmo comigo... Com o Fran tinha um diário, anotava tudo semana a semana...
No fim apercebemo-nos que o que importa é estarem bem...

Também gosto de dar essas voltinhas com o filhote :)

Quanto ao Parto e pós-parto, não penses ainda nisso. Vais partilhando com o papá as tarefas e corre tudo bem, passa tão depressa!

Beijinhos

ANA E OS PRINCIPES... disse...

Olá
É maravilhoso sentir os nossos filhotes mexerem,é uma sensação única,também adorei.

Quanto ao parto e pós parto,não sofras por antecipação,vai pedindo e deixando o marido ajudar,vais ver tudo vai correr bem.

Um beijinho

Mãe-Galinha disse...

Nós lá em casa (quando estamos juntos!!!) ´dividimos muitas tarefas. Acho bom e não é tão duro nem para um nem para outro!

Bjs

Andrea disse...

Amiga, comigo é exactamente o mesmo, todas as tarefas estão nas minhas mãos (não por falta de vontade do pai, muito pelo contrário - o pai é que não tem tempo e sente-se muitas vezes triste). Mas aos poucos vou fazendo com que algumas coisas seja o pai a fazer até pq o Miguel está muito dependente de mim.
Beijocas!

PS - Manda-me a tua morada para o meu email (omeumimocas@gmail.com) para receberes o presentinho do desafio pay it foward :)

María&Peste disse...

Eu tenho pavor em sequer pensar que vou ficar 2 dias, 2 noites sem estar ao pé do meu menino para as mais variadas coisas...
Eu e o Pai repartimos quase tudo à excepção durante a semana de manhã que sou eu que o preparo e levo para a escola, o pai sai muito cedo.
De resto, banhos, vestir, adormecer, acordar a meio da noite, repartimos tudo, é conforme....se bem que os banhos geralmente é o pai que passa esse bocadinho com ele, pois ele tem menos tempo com ele do que eu.
Ao fim de semana é conforme...

Agora eu vou morrer de saudades dele e não sei como ele vai reagir ao facto de a Mãe não vir para casa...mas como já é mais velho que a Daniela, vou poder prepará-lo com antecedência explicar-lhe tudinho.

Bjnhos grandes

P.S- o David nasceu 2 dias antes de fazer 40 semanas, se este for igual, será 14/07!!!!!!

Catia, a mãe do Puts... disse...

Pois...
Como te entendo..
O meu maridão ajuda-me muito, mesmo muito!!
Mas oputs já faz bem as suas escolhas, ou seja, ele escolhe-nos mediante as coisas em análise.. e nós também as afzemos quase insconscientemente, a questão é quando um falta.. quando eu vou para fora, ou quando o R. chega mais tarde.. Lá em casa as coisas também são muito semelhantes a ti...Mas também acho que e tiver de ser de outra maneira e se nós não tivermos também será!
O pior é se estás presente ela pode não entender porque não és tu a zfer determinada coisa como anteriormente fazias.. Isso pode acontecer.. Mas não vale a pena sofreres por antecipação e quando chegar a altura de certeza que saberás o melhor a fazer...
beijinhos...

P.s: então a dani, caiu? tinha uma negrita na bochecha hoje..
E estava com soninho quando cheguei...Nem parecia ela. :)
sempre com aquela energia.. Estava só a bocejar...

Cláudia disse...

lol
Eu gosto mais de estar grávida do que tu, lololol
Agora evias dizer: Eu é que gosto mais...

eu tb sou o pilar de segurança destacasa...
:(

bjs grandespara as gajas todas, lol

Celine disse...

Pois a tua vida ou melhor a vossa vida vai mudar por completa com a vinda do bébé!! Mas o importante é serem felizes depois cada um tem que tomar o seu lugar .. estou a falar sem experìência claro por isso não te estou a ajudar muito!!! Beijocas

Piuzitos disse...

Com o meu primeiro filho fui a mãe mais obsessiva que possas imaginar: só eu é que sabia como lidar com o Tiago, ninguém lhe podia pegar se não eu, ninguém lhe podia dar banho se não eu, mudar a fralda, dar a comida, sair com ele - um horror! Acrescia a isto eu não me afastar dele um dia que fosse - a primeira vez que passei uma noite sem ele tinha ele 2 anos e meio e foi porque me vi forçada a vir a Lisboa (na altura morava em Coimbra) para fazer uma prova. Já com o Henrique foi diferente... Logo de início aprendi a ser menos possessiva e a delegar funções no Pai e nas pessoas mais próximas. E como tenho de me ausentar frequentemente para o estrangeiro por períodos de 3 a 5 dias, aprendi também a estar ausente com tranquilidade. O Pai dá conta dele e do irmão, temos de aprender a confiar! É óbvio e claro que ninguém trata deles como nós, Mães, mas ficam lá muito perto e corre tudo bem!...
Desculpa o testamento, mas também senti isso antes de nascer o Henrique e a permanência na Maternidade sem o Tiago também foi penosa, mas temos mesmo de nos habituar a libertar um bocadinho desta nossa faceta mais "controladora" (pelo menos eu!).
Beijos e tudo a correr bem!

Rita disse...

PARABÉNS!!!!!!!!!!!

Não me perdoo. Nãosabias que estavas grávida... Estive a actualizar-me no teu blog, e adorei a maneira como disseste que estavas grávida :)
Tens que mostrar a t-shirt da Daniela, deve estar um amor...

Muitos parabéns e prometo ser mais assídua.

(costumava seguir o teu link, agora já estás nos favoritos).

Beijinhos para todos!

Mamã-tia disse...

Bom fim-de-semana,

Jinhos fofos

ana_paula disse...

Ola

é perfeitamente normal numa 2º gravidez não darmos tanta atenção aos pormenores pois já não é tudo novidade, o que queremos saber é se está tudo bem isso é o que nos preocupa.
Quanto às tarefas tenta distribuir com o papá nesta fase por ex. ao fim de semana e vais ver como o Daniela se adapta bem.

Beijocas

Paula

Maria disse...

devems er sensações realmente maravilhosas..:)

beijinho

Patrícia disse...

Aí está o meu medo, para avançar para outra gravidez...
Mas tudo se há-de resolver!
Bjs

sonho de bebé disse...

Aproveita bem a gravidez! è tão bom! Não é facil gerir a atenção a dois filhos, ainda mais sendo tão pequenos, mas acho que é preciso dar tempo ao tempo e tudo se adapta. Eu estou a passar por isso neste momento, é dificil mas aos poucos vou conseguindo!
beijinhos

Ana disse...

Olá! Há uns tempos q começei a ler o teu blog e gosto bastante das tuas aventuras e da tua filhota. Hj fiquei mt contente por saber q estas gravida novamente. Muitos Parabéns! Eu fui mãe ha 3 meses e já tenho saudades de tar gravida :) é uma experiência maravilhosa!
beijinhos Ana

As minhas melodias disse...

;0)
Bjs

Mamã Elsa disse...

OLá.
Concordo contigo plenamente. Uma segunda gravidez é vivida diferente da primeira. Na primeira da-mos importancia a certos detalhes que numa segunda passm completamente ao lado. Pelo menos comigo foi assim.
Começas-te a sentir o bebé cedo eu só por volta das 16 semanas. è uma sensação fantastica.
Tens que começar o quanto antes a dividiar as tarefas, para a Daniela se ir habituando e não associar, apesar de pequena, que as rotinas foram mudadas por causa do bebe. Acho isso fundamental.
Eu era exactamente como tu eu fazia tudo ao mais velho, mas aos pouquinhos foi o pai tomando o lugar de certas coisas que era eu fazer. E ainda bem que assim fui. estive 5 semanas de repouso absoluto e nã podia fazer nada. Não te preocupes por antecipação com o parte e pos -parto.Vai tudo correr bem
beijocas
e continuação de bom fim de semana.

cris disse...

Estou a pensar ter outro filho este ano, e é uma das coisas em que mais penso.
Ele tem agora 16 meses,e meu marido não faz nada e a minha familia esta longe.
como vai ser? é a minha grande preocupação...

Carla - Vida a 4 disse...

Quando fiquei grávida da Mariana, o facto da Patrícia ficar sem mim 2 noites foi o que menos me preocupou.
Não te culpes por antecipação. Dá atenção e carinho à tua filha, não porque estás grávida, mas porque a amas e gostas de estar com ela.
O facto de estares grávida não lhe estás a tirar nada, muito pelo contrário estás-lhe a dar um bem muito precioso, um(a) mano(a).
Goza a gravidez e aproveita a tua filha enquanto és só dela, daqui a nada pedes-lhe um beijinho e ela responde, "À Mana".

Mais a mais se o teu marido é como o meu que ajuda em tudo, não te preocupes.

Beijinhos

dangerously in love disse...

Pois...acho que quando chegar a minha vez de ter o 2º filho vou pensar e reflectir sobre o mesmo que tu. Também sou eu a fazer tudo...Agora a mamã do gonçalinho tem razão numa coisa. Na maioria dos casos se não forem as mães a pedir para os pais fazerem isto ou aquilo eles não têm iniciativa.Não são todos assim felizmente, mas muitos são. Vais ver que tudo vai correr bem...e ela vai adorar ter um bebé em casa. Beijocas