Os pirralhos

baby babies baby growth

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Pulando entre a organização e a desorganização

Adoro ter as coisas organizadas, saber onde está tudo, ter tudo arrumado e limpo. Ter a roupa lavada e passada, o cesto da roupa suja vazio, a cozinha limpa, sem tralhas na bancada.
Admito que gosto muito disso.
A verdade é que por mais que goste e tente ter tudo organizado, muitas vezes (quase sempre), não dá!
Já estressei muito. Agora, um pouco menos.
Tento ter tudo organizado, mas, ultimamente, tenho sempre a mesa de jantar, na sala, atravancada de coisas. Ou são roupas passadas a ferro à espera para arrumar nas gavetas e nos roupeiros, ou são coisas que esperam ser colocadas nos seus respectivos lugares.
Na bancada da cozinha há coisas que esperam também ser arrumadas.
Saio de casa às 6h25 da manhã e chego às 6 da tarde. Entre conversar com os miúdos, preparar o jantar e regar a horta, já são horas de jantar. cá em casa jantamos às 19h30. Depois de jantar, os miúdos vêem um pouco de TV, enquanto lavo a loiça. Depois, prepará-los para se deitarem: pijamas, xixi, lavar os dentes e história e bejinhos de boa noite. E lá voltamos nós para a cozinha, para acabar de a arrumar (mais ou menos), preparar o meu almoço e lanche (levo comida de casa), preparar os lanches da escolinha, preparar as roupas (minha e dos miúdos para o dia seguinte), ver as malas da escolas e recados, preparar a minha mala... Preparar a mesa para o pequeno-almoço. Tudo isto para as coisas fluirem mais facilmente de manhã.
Depois... Não tenho pachorra para mais nada, muito sinceramente.
Por isso, sinto-me mesmo a pular entre a organização e a desorganização. Se gosto? Não! Mas, neste momento, só dá mesmo para isso.

3 comentários:

Maria Pereira disse...

Com crianças pequenas é quase impossivel ter a casa arrumada e organizada, mas eu acredito q daqui a uns anos vou conseguir :)

Beijocas

Mónica disse...

Já somos duas lol
Este post podia ser meu :D

Cristina disse...

Também me queixo do mesmo, lol.
Um abraço